Por muito tempo, conquistar a casa própria era quase que um desejo unânime. Hoje, o aluguel pode ser uma interessante e rentável opção.

Se você passou a vida inteira acreditando que a única e melhor opção para sua própria estabilidade financeira fosse a casa própria, saiba que os tempos mudaram. O Guia Bolso realizou cálculos que mostraram a possibilidade de dobrar o patrimônio optando por morar de aluguel dentro de 15 anos.

A soma funciona mais ou menos assim: Um imóvel custa R$ 300 mil. O interessado possui metade do valor para dar a entrada e assumiria um financiamento com parcelas iniciais de R$ 2.183,00 chegando a R$ 841,00 em 15 anos. Sendo assim, seu patrimônio seria no valor pago pelo imóvel.

Caso a situação inverta e o interessado prefira o aluguel, a simulação considerou uma locação em torno de R$ 1.500,00. Neste caso, seria colocada a diferença entre a parcela do financiamento (R$ 2.183,00) e a despesa com o aluguel (R$1.500,00) em uma aplicação que pague 100% da taxa do CDI (Certificado de Depósito Interbancário).

O patrimônio acumulado no período de 15 anos dobraria em relação ao valor do imóvel, seria mais de R$ 600 mil.

Casa própria a todo custo

O que muitos especialistas do setor imobiliário recomendam é que, se a pessoa realmente tem muito interesse em adquirir o próprio imóvel, então, o ideal é primeiro juntar de 50% a 70% do valor para depois compra-lo. Essa escolha diminui os altos juros do financiamento.

Exceções

Para pessoas que não se consideram disciplinadas o suficiente para poupar grandes quantias e preferem a aquisição do imóvel, o financiamento acaba sendo a melhor alternativa. Afinal, nestes casos, tentar poupar primeiro pode não dar certo e, a logo prazo, a pessoa acaba não adquirindo nenhum patrimônio.

Isso porque, muitas pessoas consideram mais fácil assumir a responsabilidade do financiamento do que a de poupar por conta própria.

Variedade de investimentos

Quem deseja adquirir imóveis como forma de investir e acumular patrimônio, o indicado é que sejam investimentos diversificados. Dessa forma, os riscos são menores e a rentabilidade será garantida.